Manifesto da ANPUH-RN sobre a atual conjuntura política

A Diretoria da Associação Nacional de História/Seção Rio Grande do Norte (ANPUH-RN), biênio 2018 – 2020, em sua composição diversa em termos políticos, sociais e culturais, vem por meio desta nota manifestar publicamente profunda preocupação com a ocorrência de ataques físicos e psicológicos recentes, sobretudo contra os profissionais de História e de demais áreas do campo das Ciências Humanas, de discursos agressivos proferidos e das ameaças aos direitos coletivos e individuais historicamente conquistados. Em meio a agitações antidemocráticas é necessário que a comunidade de historiadoras e historiadores combata fortemente tudo que põe em risco nossa democracia. Somos profissionais da educação e, muitos de nós, estudiosos de temas como o nazi-fascismo, ditaduras e regimes totalitários, por isso mesmo estamos cientes do perigo em que se encontra a democracia brasileira na atual conjuntura política. Optamos por fazer parte de uma grande frente democrática a fim de lutar contra os tempos obscuros de intolerância e ódio que ameaçam se instalar de vez em nossa república. Manifestamos, assim, todo repúdio à continuidade do sequestro às conquistas da classe trabalhadora, bem como ao discurso autoritário, violento, machista, racista e LGBTQIfóbico.

Presidente: Leonardo Cândido Rolim (UERN/Mossoró)

Vice-Presidenta: Jovelina Silva Santos (UERN/Assu)

Secretaria Geral: Maiara Juliana Gonçalves da Silva (EAJ/UFRN)

1ª Secretário: Thiago Alves Dias (CERES/UFRN)

2ª Secretária: Aryana Lima Costa (UERN/Mossoró)

1º Tesoureiro: Carlos Eduardo Martins Torcato (UERN/Mossoró)

2º Tesoureira: Lívia Brenda da Silva Barbosa (UERN/Mossoró)

Conselho Consultivo: Júlio César Alencar (IFRN); Evandro Santos (UFRN/CERES); Micarla Natana Lopes Rebouças (SEEC-RN); Paulo Rikardo Pereira de Oliveira (IFRN).

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Nome *
Email *
Site